Home / Blog / Como conseguir empréstimo para MEI: um passo a passo com as 3 etapas fundamentais

Como conseguir empréstimo para MEI: um passo a passo com as 3 etapas fundamentais

Confira um passo a passo de como conseguir empréstimo para MEI e saiba quais etapas seguir para ter acesso a uma linha de crédito.

Será que quem tem MEI pode fazer empréstimo com facilidade?

Se você é Microempreendedor Individual e está precisando de crédito para capital de giro, quitação de dívidas ou financiamento da expansão dos negócios, então você clicou no artigo certo.

Nas próximas linhas, vamos mostrar como conseguir empréstimo para MEI. Continue a leitura e saiba quais caminhos percorrer para ter acesso ao crédito que você precisa.

Veja também: Entenda como funciona empréstimo e quais são as opções

Além das dicas para conseguir empréstimo de MEI de forma tradicional, assista a este vídeo e veja uma linha de crédito para MEIs criada especialmente devido a pandemia, além de outras informações de ajudas emergenciais!


Passo a passo: Como conseguir empréstimo para MEI?

Quem tem MEI pode fazer empréstimo sim. Confira quais são os passos para conseguir crédito para quem é Microempreendedor Individual.

Passo 1 - Escolha a instituição financeira com as melhores condições

O primeiro passo de como conseguir empréstimo para MEI é escolher a instituição financeira que vai lhe conceder o crédito. É importante que você escolha aquela que possua as melhores condições para sua empresa e que esteja devidamente regularizada pelo Banco Central do Brasil.

O valor do crédito solicitado vai depender de critérios de análise estabelecidos pela própria instituição financeira. Por exemplo, pode acontecer de o valor para investir na infraestrutura da empresa seja maior que o limite de empréstimo para quitar dívidas

Além disso, a quantia liberada pode ser maior se o Microempreendedor Individual já tiver solicitado e quitado um empréstimo anterior na instituição financeira em questão. Isso acaba sendo um indicativo de bom pagador, fazendo com que o banco se sinta mais confortável em ampliar a linha de crédito.

A recomendação é que você procure os bancos públicos, como a Caixa Econômica Federal, o Banco do Brasil e o Banco Nacional de Desenvolvimento. Isso porque, além de serem instituições confiáveis, elas costumam oferecer taxas de juros mais vantajosas e prazos mais flexíveis.

Confira a seguir quais instituições financeiras possuem programas para empréstimos com condições especiais para quem é MEI:

Confira em nosso blog: Melhor banco para abrir conta MEI: confira 6 opções e decida sobre qual a melhor opção para o seu negócio

Quer estar sempre por dentro das novidades sobre MEI, emitir seu DAS e contar com diversas outras funções grátis, exclusivas de quem é MEI? Então, baixe nosso o aplicativo GRATUITO: MEI Grátis

Passo 2 - Separe toda a documentação necessária

Para conseguir empréstimo, o Microempreendedor Individual precisa separar toda a documentação que as instituições financeiras costumam pedir antes de liberar a linha de crédito.

Geralmente, os documentos solicitações são RG, CPF, CNPJ, Certificado MEI, comprovante de residência e comprovante de renda. Este último requer um pouco mais de atenção do empreendedor.

A comprovação de renda é uma forma da instituição financeira, escolhida no passo anterior, verificar que o MEI tem sim condições de efetuar o pagamento das parcelas do empréstimo.

Se você não conseguir comprovar renda, dificilmente terá acesso ao crédito desejado.

Mas como comprovar a renda do seu negócio?

Existem algumas opções para isso, como o extrato bancário, os contratos de prestação de serviço, a Declaração Comprobatória de Percepção de Rendimentos (Decore) e a Declaração do Imposto sobre a Renda da Pessoa Física (DIRPF).

Se você optar pelo extrato bancário, a instituição financeira vai calcular uma média de 3 a 6 meses anteriores para saber se, com os seus rendimentos mensais, você terá condições de arcar as parcelas do empréstimo.

Já a DIRPF é um documento oficial e aceito para fins de comprovação de renda. No entanto, ele não mostra os ganhos recentes, apenas o que o solicitante recebeu no ano anterior. Dessa forma, pode ser que o banco peça documentos comprobatórios dos últimos meses dependendo do valor solicitado.

Passo 3 - Apresente os motivos para solicitação de crédito e negocie

Por fim, na última etapa de como conseguir empréstimo para MEI, você deverá apresentar os motivos que o levaram a solicitar uma linha de crédito. Aqui, é necessário mostrar para a instituição financeira o que você pretende fazer com o dinheiro que ela vai te emprestar.

Conforme mencionamos em linhas anteriores, o motivo do empréstimo influencia no limite de crédito a ser liberado. Por isso é importante que você fale para o gerente do banco que motivos são esses.

A recomendação é que você elabore um plano de investimento. Nesse documento, deverão constar não apenas os motivos, mas também os retornos que você espera ter.

Explicite onde exatamente você deseja investir, o valor necessário para isso, o retorno esperado e o prazo previsto.

Com esse planejamento em mãos, você poderá mostrar para a instituição financeira que tem tudo sob controle e conseguirá negociar as melhores condições.

Como você pôde perceber, quem tem MEI pode fazer empréstimo sim. Se você é Microempreendedor Individual e está precisando de crédito, siga esse nosso passo a passo de como conseguir empréstimo para MEI e invista no seu negócio.

Saiba mais: Fintech para MEI: conheça as startups que oferecem soluções financeiras para microempreendedores

O ideal é não precisar usar crédito, por isso, faça um bom controle de suas receitas e despesa, use noass a planilha gratuita: Controle de Fluxo de Caixa

Equipe Qipu

Jun/10/2020

Contabilidade Online , Contabilidade Online Qipu , Contbilidade Simples Nacional , Simples Nacional , Microempreendedor Individual , Empréstimo

Compartilhe

Facebook Twitter Linkedin Google+

Não deixe de ler também

BAIXE GRÁTIS O APLICATIVO | Ou acesse a versão web