Home / Blog / Ideias para empreender na crise: 8 dicas para garantir uma fonte de renda em tempos difíceis

Ideias para empreender na crise: 8 dicas para garantir uma fonte de renda em tempos difíceis

Confira 8 dicas de ideias para empreender na crise e saiba em modelo de negócio investir para garantir uma boa fonte de renda.

Sem tempo para ler? Que tal ouvir esse texto? Clique no play e ouça a matéria:


Períodos de crise, como o que estamos vivendo atualmente, fazem com que muitas pessoas considerem a possibilidade de abrirem o próprio negócio e enfrentarem os desafio do empreendedorismo.

Se esse é o seu caso, então você está no artigo certo. Nas próximas linhas, vamos listar 8 ideias para empreender na crise e garantir uma boa fonte de renda em um momento tão difícil economicamente.

Leia também: Porque formalizar microempreendedor individual MEI?

8 ideias para empreender na crise

Não basta ter uma boa ideia, é preciso se planejar e ter certeza de que haverá pessoas interessadas em seus produtos e serviços.

Por isso, antes de colocar alguma ideia de negócio em prática, certifique-se de que haveria demanda para ele.

Uma forma de fazer isso é por meio de pesquisas online, existem plataformas gratuitas para fazer isso, como o próprio Google Formulários.

1 - Marmitas fitness

A primeira dica de ideias para empreender na crise envolve o setor de alimentação, mais especificamente o de comidas saudáveis.

Cada vez mais as pessoas estão buscando melhorar seus hábitos alimentares e muitos empresários já enxergaram nisso uma oportunidade de negócio.

Portanto, que tal você começar também a produzir e a vender marmitas fitness? Você pode vendê-las individualmente ou fechar um pacote mensal com os clientes, aplicando um desconto no valor total.

Há também a possibilidade de trabalhar com a cobrança recorrente, como um clube de assinatura de marmitas fitness. Tudo pode ser feito online, com entregas em domicílio.

2 - Franquias já consolidadas

As grandes redes de franquia raramente são afetadas pelas crises econômicas. Tanto é que a maioria delas já está a décadas no mercado e vêm se expandindo pelo mundo todo.

O segredo é que essas empresas têm grandes equipes de marketing que estudam o mercado e estão inovando sempre.

Abrir uma franquia requer um investimento inicial muito alto e pode ser que você não tenha tanto dinheiro assim para empreender. No entanto, caso você tenha, os retornos são praticamente garantidos e em poucos anos você já consegue recuperar todo o montante investido.

Apostar no franqueamento, apesar de ser mais caro, é uma escolha mais segura. Isso porque a marca já está consolidada no mercado e o modelo de negócio já vem pronto e estruturado.

3 - Foodtrucks

Os empreendimentos sobre rodas tiveram um boom a alguns anos atrás e, apesar de esse modelo de negócio ter saturado um pouco, ele ainda é uma opção considerável para quem deseja empreender.

Em um truck, você pode oferecer desde comidas típicas de boteco até alimentos mais saudáveis. Há também a possibilidade de comercializar cervejas artesanais, comidas regionais e vários outros produtos.

Seja inovador e busque se diferenciar dos vários outros trucks que já existem no mercado. Encontre o seu nicho e fuja do óbvio.

Veja mais dicas neste vídeo do Hoje em Dia:


4 - Barbearia à domicílio

Outra ideia para quem deseja empreender na crise é fazer atendimentos de barbearia à domicílio. Se você tem o talento para fazer cortes de cabelo e de barba, é possível prestar os seus serviços na casa dos seus clientes.

Para isso, é importante que você invista em marketing pessoal. Crie um perfil profissional no Instagram, por exemplo, para divulgar seu trabalho. Faça cartões de visita e entregue para cada cliente novo que você atender.

5 - Confecção de produtos artesanais

O artesanato sempre foi uma importante fonte de renda para muitas pessoas. Em períodos de crise, a confecção de produtos artesanais pode ser uma opção para quem deseja empreender.

De artigos de decoração para casa até sabonetes e velas especiais, é possível tirar um bom dinheiro com o artesanato.

6 - Conserto de produtos

Você também pode empreender oferecendo serviços de manutenção e conserto. Roupas, telefones, computadores, instrumentos musicais, panelas, eletrodomésticos etc.

Esses são alguns exemplos de produtos que, em um momento de crise, as pessoas preferem mandar consertar do que comprar um novo.

Portanto, se você entende de consertos em geral, pode começar a oferecer esse tipo de serviço e obter uma fonte de renda.

7 - Produção de conteúdo web

Se você gosta de escrever e sabe se comunicar bem, pode oferecer serviços de produção de conteúdo para a internet.

É possível produzir conteúdos para outras empresas, como blog posts e vídeos para o YouTube. Além disso, você pode também fazer a gestão das redes sociais dessas empresas e alimentá-las com conteúdos relevantes.

Veja também: Passo a passo: como montar uma empresa online em 6 etapas e formalizar seu negócio

8 - Edição de vídeos

Chegamos à nossa última dica de ideias para empreender na crise.

Especialmente nesta crise que estamos vivendo devido à pandemia do novo coronavírus, muitas instituições de ensino estão produzindo videoaulas para seus alunos, são as famosas aulas EaD. E se você oferecesse para editar esses vídeos?

Esse tipo de serviço pode ser oferecido também para outros tipos de empresas que também sentem a necessidade de se comunicar com seu público via conteúdos audiovisuais.

Essas foram as nossas 8 ideias para empreender na crise. Qual delas você acha que tem mais a ver com você?

Lembre-se de que, independentemente do modelo de negócio que você escolher, é fundamental que haja planejamento.

Confira em nosso blog: Orientações para início do negócio - Alvarás, Licenças de Funcionamento, Bombeiros etc.

Gostou dessas ideias? Pensando em abrir um negócio? Então, veja nossas dicas para começar com o pé direito, baixe nosso e-book gratuito: 9 passos para começar a empreender

Equipe Qipu

May/26/2020

Contabilidade Online , Contabilidade Online Qipu , Contbilidade Simples Nacional , Simples Nacional , Microempreendedor Individual , Crise , Empreender na Crise

Compartilhe

Facebook Twitter Linkedin Google+

Não deixe de ler também

BAIXE GRÁTIS O APLICATIVO | Ou acesse a versão web