Home / Blog / Passo a passo: como abrir uma empresa simples individual em 5 etapas descomplicadas

Passo a passo: como abrir uma empresa simples individual em 5 etapas descomplicadas

Confira um passo a passo de como abrir uma empresa simples individual e saiba que etapas seguir para formalizar suas atividades econômicas.

Pensando em como abrir uma empresa simples individual? Mas tem dúvidas de quais desafios o empreendedor pode ter que enfrentar para isso?

Fica tranquilo que nós vamos te mostrar o caminho que você deverá percorrer para conseguir empreender individualmente e realizar o sócio de ser proprietário de uma empresa só sua.

Existem 3 formatos possíveis para quem deseja ser dono do próprio negócio sem a figura de um sócio:MEI,EI e EIRELI.

As principais diferenças entre essas opções passam pelo limite de faturamento anual, pela separação do patrimônio da pessoa física e da pessoa jurídica e pelo tipo de atividade econômica a ser desempenhada pela empresa.

Convidamos você a continuar a leitura deste conteúdo para entender melhor o que é e como abrir uma empresa simples individual por meio de um passo a passo descomplicado, em 5 etapas simples:

  1. Escolha o seu formato jurídico
  2. Reúna toda a documentação necessária para abrir uma empresa
  3. Faça a sua inscrição no Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica
  4. Registre-se na Junta Comercial
  5. Solicite o Alvará de Funcionamento

Leia também: O que é Super Simples Nacional? Como Funciona?

O que é uma empresa simples individual?

Uma empresa simples individual é comandada por um único titular sob o regime tributário do Simples Nacional .

Abrir uma empresa individualmente é uma opção para micro e pequenos empreendedores que desejam formalizar suas atividades econômicas de maneira menos burocrática e sem precisar dispor de um grande capital social .

Conforme mencionamos na introdução deste artigo, os formatos jurídicos possíveis para quem quer abrir uma empresa sozinho são o MEI, o EI e o EIRELI. Veja a seguir um breve resumo sobre cada um deles:

MEI - Microempreendedor Individual

Formato criado para que profissionais autônomos e liberais pudessem formalizar suas atividades econômicas, as quais não possuem uma regulamentação própria. Logo, profissões como Advogado, Médico, Engenheiro e Arquiteto não podem ser MEI.

O faturamento anual do MEI deve ser de até R$ 81 mil e só é permitido contratar um funcionário.

EI - Empresa Individual

Nesse formato, o faturamento anual não deve ultrapassar o limite de R$ 360 mil. Profissões regulamentadas também não se enquadram no formato EI.

Além disso, não há separação entre o patrimônio de pessoa física do titular e da pessoa jurídica. O titular responde de maneira ilimitada pelas dívidas da empresa.

EIRELI - Empresa Individual de Responsabilidade Limitada

A principal diferença da EIRELI para o formato anterior se refere à responsabilidade do titular em relação às dívidas da empresa. Aqui, há uma separação entre entre o patrimônio de pessoa física e da pessoa jurídica.

E mais: para se enquadrar como EIRELI é necessário dispor de pelo menos 100 salários mínimos para compor o seu capital social.

Se a EIRELI for uma Microempresa (ME), o faturamento anual deve ser de até R$ 360 mil. Caso ela seja uma Empresa de Pequeno Porte (EPP), esse valor sobe para R$ 4,8 milhões.

Veja mais: Passo a passo de como abrir uma EI e EIRELI

Passo a passo: como abrir uma empresa simples individual?

Para abrir uma empresa sem um sócio, é necessário seguir algumas etapas básicas. Confira agora que etapas são essas.

Passo 1 - Escolha o seu formato jurídico

Avalie qual formato jurídico combina melhor com o seu modelo de negócio, tendo em vista os critérios obrigatórios a serem seguidos.

Passo 2 - Reúna toda a documentação necessária para abrir uma empresa

Geralmente, os documentos necessários para abrir uma empresa simples individual são:

  • RG;
  • CPF;
  • Título de Eleitor;
  • Comprovante de endereço (da residência e da empresa);
  • Declaração de IRPF dos últimos dois anos (se for o caso).

Passo 3 - Faça a sua inscrição no Cadastro Nacional de Pessoa Jurídica

A inscrição no CNPJ é feita online. Se você for optante pelo MEI, você deverá acessar o Portal do Empreendedor para concluir esse processo. Caso você opte por EI ou EIRELI, precisa acessar a Rede Sim da Receita Federal.

Passo 4 - Registre-se na Junta Comercial

Após obter o seu CNPJ, é preciso registrar-se na Junta Comercial do seu estado ou do município. Geralmente, é nesse momento que se obtém também a Inscrição Estadual (no caso de empresas do comércio ou da indústria) ou a Inscrição Municipal (para empresas prestadoras de serviços).

Passo 5 - Solicite o Alvará de Funcionamento

O próximo passo de como abrir uma empresa simples individual é solicitar à prefeitura o Alvará de Funcionamento do seu estabelecimento.

É importante também verificar se há necessidade de outras licenças específicas para as atividades do seu negócio.

Este post também pode interessar a você: O que são e qual a diferença entre MEI e ME? 9 comparativos

Depois de abrir sua empresa Simples, que vai fazer a contabilidade? Que tal contar com a Qipu para isso?

Bom, esse foi o nosso passo a passo de como abrir uma empresa simples individual. O que você achou?

Coloque em prática essas etapas, seja dono do seu próprio negócio e tenha mais controle sobre sua vida pessoal e profissional.

Quer mais dicas de como abrir uma empresa? Então, não perca tempo, baixe nosso e-book gratuito com ainda mais dicas e informações: TUDO sobre abertura de empresas

Equipe Qipu

Sep/24/2020

Contabilidade Online , Contabilidade Online Qipu , Contbilidade Simples Nacional , Simples Nacional , Microempreendedor Individual

Compartilhe

Facebook Twitter Linkedin Google+

Não deixe de ler também

BAIXE GRÁTIS O APLICATIVO | Ou acesse a versão web